Acompanhe fique por dentro Fórum acesso restrito
06 nov 2012

Em 2014, um terço dos profissionais vão trabalhar remotamente

My infantile desk 

A notícia

Um terço dos trabalhadores no mundo não estará mais trabalhando em escritórios tradicionais em 2014. Eles estarão exercendo suas atividades de casa, em clientes, hotéis, aeroportos, trens ou cafeterias. Essa é uma das conclusões do estudo The Citrix Workplace of the Future, feito pela Vanson Bourne em agosto de 2012 com base em entrevistas a cem profissionais de TI em 19 países. Hoje, 22% dos profissionais podem usufruir desse modelo de trabalho.

Para dar conta do expediente, esses profissionais remotos vão acessar aplicações corporativas, dados e serviços de seis diferentes equipamentos por dia. Hoje, segundo a pesquisa, 62% das empresas no mundo já adotam estilos de trabalho móveis, permitindo com que as pessoas trabalhem de qualquer lugar. Nos próximos dois anos, mais 21% devem adotar essa flexibilidade. Dessa forma, em 2014 esse número deve chegar a 83% das empresas.

No Brasil, 43% das empresas já adotam modelos de trabalho que permitem atuar a distância, segundo a pesquisa. Daqui a dois anos esse índice subirá para 94%. Isso fará com que 39% dos profissionais brasileiros trabalhem remotamente em 2014, mais do que os 28% que desfrutam dessa possibilidade atualmente.

Com cada vez mais gente trabalhando fora do escritório, até 2020 as empresas no mundo esperam ter sete mesas para cada dez funcionários. No Brasil, essa proporção será de seis para dez.

Via: Valor Econômico

Conversas TechnoPersonal

O trabalho remoto aqui no Brasil é conhecido oficialmente como Teletrabalho (para saber mais, conheça o site da Sociedade Brasileira de Teletrabalho – http://www.sobratt.org.br/). A Petrobrás usa. A HP usa – e muitas outras grandes empresas. Entendam: trabalhadores nestas condições continuam a ter vínculo empregatício e todos os benefícios trabalhistas, sem ter que ir diariamente até “o escritório”.

Trabalhar remoto (ou de casa), não é trabalhar na rede ou no sofá. É ter uma baia em casa – em outro estilo e em novos formatos. Nada que os escritores já não saibam. Todos os grandes – e os desconhecidos também, acreditem – têm disciplina e trabalham arduamente em seus textos, em horários bem claros e num lugar específico em casa.

E isso é a conta pra quem tem emprego. Quem presta serviço já está no trabalho remoto. De todo jeito, as principais ferramentas de contato são computador e telefone. Então, mais dia ou menos dia, estaremos trabalhando ou contratando pessoas que trabalham à distância. Vocês estão prontos?

Foto: danorbit. via Compfight

Comente!